Pular para o conteúdo principal

O homem de branco III a vida dos sonhos


Aviso: A matéria a seguir não é recomendada a menores de 16 anos, contém: Violência gráfica, citações de guerras e terror psicológico. Não é recomendado a leitores sensíveis, o leitor final fica avisado. 














O sonho americano
John Sullivan era uma rapaz americano normal, havia acabado de atingir seus 18 anos e sua vida não poderia esta melhor, mecânico talentoso e dedicado,  ele tinha um futuro brilhante. John tinha tudo, uma ótima família de classe média vivendo o sonho americano, bolsa de estudos integral para jogar no time da faculdade, ele tinha tudo, menos uma garota, mas isso estava prestes a mudar.


Em uma manha nublada de 1938, John estava em uma lanchonete com os amigos conversando sobre os planos da Alemanha e aonde isso poderia levar, foi nesse momento que Louise Peterson veio anotar o pedido dos rapazes, ao olhar para ela, John ficou congelado, ele nunca havia visto uma garota tão linda como Louise, linda e independente. Louise, por sua vez, viu em John um homem viril com um olha mais doce do que qualquer sobremesa que ela já havia servido, foi amor a primeira vista, típico de conto de fadas.


Não demorou muito até que a amizade entre John e Louise se tornasse romântica, os dois eram inseparáveis, onde John estava lá estava Louise, sua companheira inseparável e amante inigualável, porém, nem tudo era um mar de rosas. Havia se passado um ano desde que nosso jovem mecânico conhecera o amor de sua vida em uma lanchonete, e o papo de guerra daquele dia havia se tornado realidade, a 2º guerra mundial deslanchou e ele sabia que era uma questão de tempo até o velho vermelho, branco e azul entrar na briga, e esse era um temor que o assombrava todos os dias.


Dois anos após aquele alegre dia na lanchonete, John e Louise estavam fazendo os preparativos para o seu casamento, esse fato feliz livrou a mente de John de todos os pesadelos com a guerra, ele estava feliz e achava que sua vida era um sonho. No dia da lua de mel, John recebe o telegrama que mudaria sua vida, Roosevelt havia entrado na guerra após muita pressão, e John, havia sido convocado para ajudar na Europa. Aquilo não podia ser real, o mecânico estava arrasado, ele podia perder tudo se bobeasse durante um único segundo, aquilo não poderia ter acontecido em pior hora, justo em sua lua de mel com a mulher dos seus sonhos.

John embarcou em um dia nevoento, nevoento assim como seus sentimentos, ele olhava ao léu e via sua mulher se debulhando em lagrimas, o olhar dela era como a de uma recém-viúva em um velório, era evidente em seu rosto de que sua pobre esposa esperava pelo pior, e este, não foi o melhor dos estímulos para a confiança do arrasado John.

Assim que chegou ao seu destino ele viu os horrores da guerra: Morte, fome, aflição e dor. Aquilo havia se tornado seu cotidiano, John não sabia mais o que era um dia feliz, todos os seus dias agora eram rezar para chegar ao dia seguinte. Em uma das várias batalhas de John, ele vira um de seus grandes amigos do pelotão ter o cérebro estourado devido ao tiro de um atirador alemão, aquilo foi demais para ele. John olha para o céu e grita com todas as suas forças:
- Eu queria que isso fosse apenas um sonho!
De repente tudo para, ele olha para os lados e vê balas congeladas no ar e soldados paralisados. Ele logo pensa que estava morto, ou a beira da morte, até que ele escuta uma voz vinda do meio da fumaça de pólvora:
- Essa guerra não o congela de medo? Ora, vocês humanos adoram brigar por tudo, basta o vizinho se mexer que vocês todos brigam como cachorros famintos, é triste, realmente, muito triste.
John. começa a crer que esta delirando de dor, um homem de branco passando por balas congeladas, aquilo não poderia ser real nem sobre efeito de morfina, ele olha para o homem e pergunta:
Você é fruto da minha mente? Estou delirando e morrendo? O que houve comigo e o que vai ser da minha amada Louise?
O homem ajuda John a se levantar e o diz:
-Não, meu jovem John, Você não esta morrendo e eu não sou fruto da sua imaginação. Permita-me dizer, John, que eu estou impressionado e emocionado com sua preocupação com Louise, muitos homens em sua posição se preocupam somente em sobreviver, mas não você meu jovem, sua mente e coração estão e sempre estiveram com Louise, eu choraria, se eu soubesse como se faz isso, mas eu estou impressionado, e já que você só pensa em Louise, o que me diria se eu o colocasse ao lado dela para sempre?

Em meio a lagrimas olha homem responde:
- Gostaria muito que fosse possível, meu amigo. Não há como sair daqui! Todos os portos estão fechados, estamos presos nesse conflito, nenhum de nós saíra daqui com vida. A única coisa que me impede de aceitar meu destino com honra é meu amor pela minha doce Louise, não quero deixa-la, não sem antes dar uma família a ela, e faze-la feliz, mas, infelizmente, creio que nunca serei capaz de sair daqui.
O homem de terno branco tira seu chapéu em honra ao soldado condenado e diz:
Em todos os meus anos eu nunca vi tamanha demonstração de amor como a sua. Veja, eu posso lhe tirar daqui sim, se não acredita se pergunte por que todos estão paralisados simplesmente pela minha presença.
O soldado pergunta:
- O senhor é o demônio, quer minha alma ou algo assim?
O  homem ri e responde:
- Não John, eu não sou o demônio e não tenho uso para a sua alma.  Tudo que eu preciso de você é  uma parte da sua linha do tempo, mais especificamente do dia que você falou dessa guerra até o dia de hoje ,me conceda isso e eu devolvo você aos braços de sua querida Louise e sua vida dos sonhos.
Quando John diz que sim, ele acorda em sua cama com sua bela mulher ao lado dizendo bom dia com um caloroso beijo. O ex-soldado não podia acreditar, em um minuto ele estava na guerra preste a morrer, e no outro, estava ao lado de sua maravilhosa mulher, aquilo parecia um sonho.

O mecânico tomou o café da manha e foi ao trabalho, assim como Louise, tudo parecia normal, a não ser uma coisa, ao ir dormir, depois do relacionamento intimo, Louise se dirige a ele e diz:
-Amor, você precisa acordar.
Ele achou aquilo estranho, mas deu uma gargalhada e dormiu. A rotina de John se seguiu assim, mas, todas as noites sua esposa repetia as mesmas palavras “Por favor querido, acorde”
Anos se passaram e John ignorava isso, mas esse estranho fenômeno sempre se repetia, e essa não era a única coisa estranha, John percebeu que ele, Louise e seus amigos não envelheceram um dia, mesmo após 10 anos, Louise ainda aparentava 18, assim como John. Preocupado, o homem decide procurar ajuda médica, mas, assim que ele explica seu problema, o médico o diz:
- Senhor John, não se preocupe, seu diagnostico, embora grave, tem uma solução simples. Tudo que o senhor precisa fazer, é acordar!
Irritado, o mecânico responde:
- Pelos demônios doutor, que raios o senhor quer dizer com isso? Minha mulher repete essa maldita frase todas as noites, eu não estou dormindo para poder acordar seu grande idiota, bom dia!
Após esse estranho episódio, John começa a desenvolver uma obsessão fixa em ver as coisas envelhecerem, mas, por mais que observasse, nada mudava. Todos os carros que iam parar em sua oficina eram os mesmos, em 10 anos nenhuma grande montadora lançou um modelo novo, nenhum de seus alimentos estragava, nada, nem mesmo carnes, nada parecia mudar e isso já estava deixando John extremamente paranoico.

Depois de 15 anos, John se tratava com um psiquiatra todos os dias, e mesmo tomando os remédios mais fortes da época, as alucinações pareciam não parar, ele ainda não via nada envelhecer ou mudar, tudo era exatamente igual todos os dias, tudo, menos Jhon. Após tantos remédios John tinha convulsões rotineiras e precisava ser cuidado constantemente, um dia, ele confronta seu psiquiatra e diz:
-Escute, e escute bem doutor! Eu me trato com o senhor a mais de 15 anos, e parece que eu só venho piorando. Não quero questionar sua formação, mas, o senhor realmente sabe o que faz?
Surpreso, o doutor se senta e diz:
-Bem senhor John, como o senhor diz que nenhum dos medicamentos que eu o receitem surtem efeito, então, só posso lhe receitar minha última terapia...
John olha furiosamente para o médico, e começa a suar frio, ele gagueja ao perguntar:
- E qual seria esta terapia, doutor?
O médico sorri e diz:
-Bem Senhor John, para começar, o senhor deve acordar!
Ao ouvir isso John surta! Ele ataca o médico e o joga do 25º andar. Desesperado, ele corre para a rua para ver sua obra, mas, ao chegar lá, ele vê o psiquiatra todo retorcido deitado em uma possa de sangue, o doutor olha para ele e diz:
-Como eu estava dizendo senhor John, o senhor deve acordar.
John surta novamente e sai gritando que aquilo não era um sonho. Ele rouba um carro e tenta fugir até a próxima cidade, mas para a sua surpresa, a cidade vizinha era milimétricamente igual a sua cidade, John então, solta o volante e fecha os olhos, aquilo havia sido demais para ele.

John acorda em uma sala de hospital que ele nunca havia visto antes, ele estava muito magro e ligado a vários aparelhos, ele grita e um médico ainda com mascara aparece e começa a falar:
Senhor John, é uma alegria incomensurável ver o senhor acordado, amanha seus aparelhos seriam desligados, mas o senhor acordou, que sorte em! Bem Jhon, você deve estar se perguntando o que faz aqui, não se preocupe, vou explicar tudo.  O senhor sofreu um ferimento na carótida em um beco, após ter tentado violentar uma garçonete chamada Louise, ela o esfaqueou e o socorro demorou a chegar, o senhor perdeu muito sangue e entrou em coma! O senhor esta em estado vegetativo há 15 anos.
John começa a chorar e diz em voz alta:
-Não é possível, Louise é minha mulher! Eu sou casado há 15 anos e sofro de alucinações em que não consigo ver as pessoas envelhecerem e convulsões, mas fora isso, tudo na minha vida é normal, eu não estava em coma, eu fiz um acordo com um homem de branco na guerra!
O médico coloca a mão na cabeça de John e diz:
-Filho, não se exalte! Em sua condição isso pode ser fatal. Escute, é natural que pacientes de coma alucinem que tem uma vida normal, esta é uma maneira do cérebro de amenizar as sequelas que um coma pode trazer, as alucinações de que ninguém envelhecia era por que não teria como o senhor saber a aparência das pessoas do seu ciclo pessoal ao envelhecerem, e as convulsões, eram os tratamentos com choque elétrico que tentamos . Sei que isso é traumático, mas, a vida que o senhor alega ter foi só uma ilusão, ou então...
O médico tira a mascara e John vê que ele é o mesmo homem que ele viu na guerra, o homem retoma o assunto:
-Pode ser somente o que o senhor pediu. Eu o encontrei a beira da morte John, o modo que você me conheceu também é uma ilusão, quando eu te vi, você gritava que queria ser casado com aquela mulher e que queria ser um herói de guerra, eu concedi a você uma vida dos sonhos, mas, eu nunca disse que seria real. Você se tele transportou da guerra para seu lar, pois, não era para você ter conhecido a Louise antes da guerra, por isso, seu romance com ela antes de você embarcar nunca aconteceu, e é claro, você não podia embarcar na guerra, mesmo que no futuro você de fato fosse convocado, por isso, essa pausa de tempo lhe foi apagada. Você deveria estar morto, mas, estava no meio termo entre isso e a vida. Lamento lhe dizer, mas seu corpo sofreu muitos danos durante esses 15 anos, e o seu despertar foi à gota d’água, seu corpo vai falecer em 24  horas.
E assim aconteceu, John Sullivan morreu após ter vivido somente uma ilusão. Então, cuidado, a vida dos sonhos pode não ser a realidade.


Comentários

Veja também

Tutorial de como passar na auto escola

Vou aprender a dirigir e agora? (Atualizado, 12/05/2017)
Se sente nervoso por que vai entrar na auto escola? Ou esta inseguro em dirigir por ai mesmo estando habilitado? Não se preocupe, esses são medos comuns e hoje nós vamos mostrar a você tudo que você deve esperar desde a 1º aula até a 1º saída de carro.
Quanto vou gastar?
O preço das autoescolas com certeza é um fator que desencoraja as pessoas, mesmo aquelas que sonham muito em ter seu pedacinho de liberdade. Dinheiro não da em arvore, mas infelizmente é bom você estar ciente dos seus gastos em uma autoescola, por que, esse é o único caminho para poder dirigir por ai tranquilo, veja a seguir os preços aproximados, vale lembrar também que a cada ano o preço vai subir algumas centenas de Reais devido aos impostos:


* Os valores aqui citados são aproximados aos valores reais, os mesmo variam dependendo da região, e órgãos responsáveis.

Começando: Após ter pagado o valor exorbitante de entrada da categoria A (Moto), B( Carro) ou A/B (Ambos)…

Net now contra Netflix, qual é a melhor escolha?

Netflix contra Net now Nos dias de hoje, o serviço on demand de televisão tem ganhado espaço no nicho da indústria televisiva, aqui no Brasil, as duas principais concorrentes que oferecem esse tipo de serviço são a Netflix e o NET now, mas se precisarmos escolher apenas uma, qual delas venceria?
Netflix: Um serviço de assinatura muito similar a Tv a cabo, porém, com diferenciais que destacaram essa empresa no efusivo mundo dos serviços de entretenimento. Um dos principais diferenciais do Netflix é o fato de você poder usa-lo aonde quiser, pode ser um tablete, um smartfone, uma TV, um vídeo game ou qualquer coisa que tenha acesso a internet, esta característica da um novo sentido a frase “tv em todos os lugares.
Net now: Nascido do sistema de TV a cabo NET para competir diretamente com os serviços da Netflix, o Net Now oferece uma gama gigantesca de conteúdos de canais de tv e de outros serviços de vídeo, no caso do Net Now, o numero de conteúdos que estão disponíveis estã…

Como se livrar de um manipulador.

Relações tóxicas: Você pode estar em uma agora e nem se quer sabe disso, mas não se preocupe, vamos te explicar o que elas são, quem as domina e como lidar ou se livrar disso:
Relacionamento tóxico: Um relacionamento tóxico é uma relação de qualquer espécie aonde o tratamento e unilateral, ou seja, ele parte somente de um dos envolvidos. Pessoas que promovem relacionamentos tóxicos são conhecidos como manipuladores perversos, pessoas que sofrem desse transtorno patológico apresentam comportamento dominador, mentiras patológicas, raiva compulsiva e necessidade de estar no centro do relacionamento.

A convivência com essas pessoas gera uma relação tóxica, aonde o parceiro vai lentamente envenenando e isolando o outro com comentários e atitudes malignas a fim de sugar as energias do mesmo, isto porque, um manipulador é um vampiro emocional incapaz de produzir bons sentimentos, por isso, ele deve deixar seu parceiro no mesmo nível de miséria que ele se encontra.
Os relacionamentos tóxicos podem…

Curiosidades GTA V

Coisas que talvez você não tenha percebido no GTA V Olá pessoal, acharam que as curiosidades sobre o GTA tinham acabado não é ? Não só continua como evoluiu, agora vamos falar sobre o mais novo jogo da Rockstar, sem mas delongas vamos as curiosidades
Trevor é gay: Se você dar role com Michel, Frank, e Trevor juntos algumas vezes, em um determinado momento Trevor vai pedir para seus amigos lhe fazerem perguntas, Frank pergunta se Trevor é gay, o mesmo enrola e repete várias vezes " sim e não" para no final dizer que ele é o que lhe faz feliz. Pois é champs, ele que provavelmente é a personagem que você mais joga é gay, lide com isso.A internet não gosta de você:  Alguns percebem isso, outros não, o fato é que o indicador de qualquer navegador da internet no GTA é um dedo do meioRon multitarefas: Ron não é só o braço direito de Trevor e CEO da TPI, ele tem sua própria marca de gasolina e tem seu próprio quadro em uma rádio em Blaine Contry, Basta sintonizar para ouvir suas teo…